Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Pretos Velhos. Os Ancestrais da Umbanda
Sab 12 Maio 2018, 19:47 por Mauricio D'Ogum

» Preces de Umbanda
Qui 18 Maio 2017, 21:08 por Mauricio D'Ogum

» ALVORADA DOS PRETOS VELHOS
Dom 16 Abr 2017, 12:16 por Mauricio D'Ogum

» Preconceito e Intolerância no facebook
Qui 02 Fev 2017, 20:21 por Mauricio D'Ogum

» Umbanda e o Dia de Finados
Qua 02 Nov 2016, 21:08 por Mauricio D'Ogum

» Umbanda e a Bíblia - Minha Visão
Sab 10 Set 2016, 23:23 por Mauricio D'Ogum

» EXÚ (Preservador do direito de livre arbítrio)
Ter 02 Ago 2016, 18:44 por Mauricio D'Ogum

» FOFOCAS NO TERREIRO
Sab 16 Jul 2016, 12:50 por Mauricio D'Ogum

» VIDEOS NO YOUTUBE
Sab 02 Jul 2016, 22:08 por Mauricio D'Ogum

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar

SABER FORMULAR PERGUNTAS

Ir em baixo

SABER FORMULAR PERGUNTAS

Mensagem por Mauricio D'Ogum em Dom 16 Out 2011, 20:19

SABER FORMULAR PERGUNTAS


A vida é feita de muitas perguntas e infinitas respostas. Quando as perguntas são corretas, as respostas acabam satisfazendo. Mas, quando as perguntas são mal formuladas, dificilmente as respostas serão adequadas e verdadeiras. Cotidianamente, fazemos mil perguntas. Muitas, de fato, ficam sem resposta. Chego a pensar que há perguntas que jamais terão as respostas que esperamos. Mesmo assim, convém continuar formulando perguntas. Isso demonstra dinamismo e inquietude.

Por outro lado, a formulação das perguntas supõe uma compreensão mais ampla da vida e dos fatos que se sucedem. Por exemplo, quando a dor se aproxima perguntamos imediatamente: “por que comigo?”, “o que eu fiz para merecer isso?”, e tantas outras indagações. Todas elas com formulação inadequada. Consequentemente, as respostas não trarão nenhum benefício. Apenas acumularão insatisfação e revolta.

É inevitável que aconteçam alguns fatos que resultarão numa dor profunda. Cedo ou tarde, o humano toca ou será tocado pelo sofrimento. Nestes momentos, a pergunta mais inteligente seria “o que isso tem a me ensinar?” ou, “o que posso aprender com isso?”. Tal formulação nos afasta de respostas impensadas e oportuniza um aprendizado gerador de maturidade.

Ao longo dos dias, se não for possível esquivar-se de situações complicadas, convém estar aberto para o crescimento e saber lidar com o inesperado. E como aprendemos com os acontecimentos! Basta não ser fatalista ou candidato a acumular derrotas. O que num primeiro momento tem a aparência de possível fracasso, poderá ser uma oportunidade ímpar de crescimento interior e de um maior entendimento da dinâmica da vida.

Comece a observar as perguntas que você faz quando algo errado lhe acontece. Se você tentar uma reformulação, estará acrescentando oportunidades para aprender com o inesperado. Caso contrário, os dias se sucederão naturalmente, mas a felicidade poderá estar um pouco mais distante do que você imaginava. Vale a pena aprender com as diversas situações da vida. Tente olhar sob outra ótica os fatos de cada dia. Você irá se surpreender!


Texto do meu querido amigo Frei jaime Betega
avatar
Mauricio D'Ogum
Admin

Mensagens : 140
Data de inscrição : 10/11/2009
Idade : 43

Ver perfil do usuário http://umbandeiros.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum